CUPOM DE$CONTO HOJE 02/07/2020

Vacinas Maternas: Tudo que você precisa saber para uma gravidez saudável

Você provavelmente sabe que quando está grávida compartilha tudo com seu bebê. Isso significa que quando você recebe vacinas, você não está apenas se protegendo

As vacinas ajudam a proteger você e seu bebê contra doenças graves.

Você provavelmente sabe que quando está grávida compartilha tudo com seu bebê.

Isso significa que quando você recebe vacinas, você não está apenas se protegendo - você também está dando proteção ao bebê.

O CDC recomenda que você tome uma vacina contra gripe e tosse durante cada gravidez para ajudar a proteger você e seu bebê.

Vacina para Gestantes: Segurança da vacina antes, durante e depois da gravidez

Algumas vacinas como a vacina contra sarampo, caxumba e rubéola (MMR), devem ser administradas um mês ou mais antes da gravidez.

Você deve tomar a vacina Tdap (para ajudar a proteger contra a tosse convulsa), durante a gravidez.

Outras vacinas, como a vacina contra a gripe, podem ser administradas antes ou durante a gravidez, dependendo da época da gripe quando você está grávida.

É seguro para você receber vacinas logo após o parto, mesmo enquanto estiver amamentando.

Certifique-se de discutir cada vacina com o seu profissional de saúde antes de se vacinar.

Para mulheres que planejam uma gravidez

Mesmo antes de engravidar, verifique se você está em dia com todas as suas vacinas.

Isso ajudará a proteger você e seu filho de doenças graves.
Por exemplo, a rubéola é uma doença contagiosa que pode ser muito perigosa se você a engravidar enquanto estiver grávida.

Na verdade, pode causar um aborto espontâneo ou sérios defeitos congênitos.

A melhor proteção contra a rubéola é a vacina MMR (sarampo-caxumba-rubéola), mas se você não estiver atualizado, precisará dela antes de engravidar.

Certifique-se de ter um exame de sangue antes da gravidez para ver se você está imune à doença.

A maioria das mulheres foi vacinada quando crianças com a vacina MMR, mas você deve confirmar isso com seu médico.

Se você precisar ser vacinado contra a rubéola, você deve evitar engravidar até um mês depois de receber a vacina MMR e, idealmente, não até que sua imunidade seja confirmada por um exame de sangue.
Seu histórico de vacinação
É importante que você mantenha um registro preciso de suas vacinas.

Compartilhar essas informações com seu profissional de saúde pré-concepcional e pré-natal ajudará a determinar quais as vacinas que você precisará durante a gravidez.

Se você ou seu médico não têm um registro atual de suas vacinas, você pode:

Pergunte a seus pais ou outros profissionais de saúde se eles ainda têm seus registros de imunização escolar.

Pergunte a eles quais doenças da infância você já teve, porque as doenças na infância podem, às vezes, fornecer imunidade na idade adulta.

Entre em contato com seus prestadores de serviços de saúde anteriores ou outros locais onde você pode ter recebido vacinas (por exemplo, o departamento de saúde, seu local de trabalho ou farmácias locais).

Para obter mais informações sobre como encontrar seus registros de vacinação, consulte a página da Web do CDC sobre registros de vacinação.

Mesmo sem esses registros, seu profissional de saúde ainda pode proteger sua saúde e a de seu bebê em desenvolvimento, recomendando as vacinas adequadas para você.
O que vou aprender sobre Vacinas Maternas
Vacina para Gestantes: Segurança da vacina antes, durante e depois da gravidez
Para mulheres que planejam uma gravidez
Seu histórico de vacinação
Quais vacinas eu preciso durante a gravidez?
A vacina contra a gripe
Vacina tríplice bacteriana acelular do tipo adulto (dTpa) e a dupla tipo adulto (dT)
É seguro obter vacinas durante a gravidez?
Continue protegendo seu bebê após o nascimento
Quais vacinas eu preciso durante a gravidez?
Todas as mulheres grávidas precisam ser vacinadas contra a gripe e coqueluche durante cada gravidez.

A vacina contra a gripe


Ser vacinado contra a gripe é importante porque as mulheres grávidas correm maior risco de complicações graves da gripe.

A gripe também pode causar problemas sérios, como parto e parto precoces, que podem afetar a saúde do bebê.

Além de proteger você e seu feto, contrair a vacina contra a gripe durante a gravidez torna menos provável que os recém-nascidos contraírem gripe por vários meses após o nascimento - e isso diminui o risco de complicações graves como pneumonia (infecção pulmonar).

Você pode pegar a vacina contra a gripe durante qualquer trimestre da sua gravidez. Saiba mais sobre a vacina contra a gripe e gravidez.

Vacina tríplice bacteriana acelular do tipo adulto (dTpa) e a dupla tipo adulto (dT)


Ser vacinado contra a tosse convulsa ajuda a proteger os bebês jovens da tosse convulsa antes que eles tenham idade suficiente para se vacinarem sozinhos. Cerca de metade dos bebês que ficam com tosse convulsa acabam no hospital - e a doença pode ser fatal.

A vacina pode ser administrada a qualquer momento durante a gravidez, mas os especialistas recomendam que a vacina seja administrada o mais cedo possível no terceiro trimestre (entre 27 e 36 semanas de gestação).

A vacina contra a tosse convulsa também é recomendada para outros adultos que passam tempo com seu bebê.

É seguro obter vacinas durante a gravidez?

Sim. É seguro receber as vacinas recomendadas durante a gravidez. Pesquisas mostram que as vacinas contra a tosse e a gripe ajudam a fornecer proteção importante para as mulheres grávidas.

E os especialistas monitoram de perto a segurança das vacinas. Saiba mais sobre segurança de vacinas.

Como qualquer medicamento, as vacinas podem ter efeitos colaterais. Mas esses efeitos colaterais geralmente são leves e desaparecem por conta própria.

Os efeitos colaterais das vacinas que protegem contra a gripe e coqueluche incluem:

- Dor, vermelhidão ou inchaço onde à vacina foi dada.
- Dores musculares.
- Sentindo-se cansado.
- Febre.

Muitas pessoas experimentam esses efeitos colaterais - não apenas mulheres grávidas.
Segundo conceito no Wikipedia: Gravidez é o período de cerca de nove meses de gestação nos seres humanos, contado a partir da fecundação e implantação de um óvulo no útero até ao nascimento. Durante a gravidez, o organismo materno passa por diversas alterações fisiológicas que sustentam o bebé em crescimento e preparam o parto.
Continue protegendo seu bebê após o nascimento

Seu obstetra pode recomendar que você receba algumas vacinas logo após o parto.

A vacinação pós-parto ajudará a protegê-lo de ficar doente e você passará alguns anticorpos para o seu bebê através do leite materno.

A vacinação após a gravidez é especialmente importante se você não recebeu certas vacinas antes ou durante a gravidez.

Seu bebê também começará a receber suas próprias vacinas para se proteger contra doenças infantis graves.

Se gostou deste artigo e quer enviar para seus Grupos e Amigos no WhatsApp Clique Aqui e Envie no seu WhatsApp.

➤ Sobre o Cupom Desconto Hoje

Os Cupons e Ofertas divulgados aqui no portal CDH, são de empresas parceiras, mesmo vencidos, alguns cupons ainda podem funcionar. Caso algum cupom não estiver funcionando ou valor informado estiver incorreto, favor entrar em contato, nos informando o link da página para que possamos corrigir. Não garantimos os valores aqui apresentados, cupons e ofertas anunciados, pois podem ter sido alterado pelas empresas parceiras, sem breve aviso ao Cupom Desconto Hoje. Caso você tenha uma oferta ou cupom e queira divulgar aqui no Cupom Desconto Hoje: Anuncíe Aqui. Todos os descontos são oferecidos por terceiros, cujas condições de compra, riscos, preço e demais informações devem ser obtidas diretamente junto ao anunciante.
CupomDescontoHoje.com.br é administrada por Megabird Serviços Internet Ltda © 2010 - 2020. Todos os direitos reservados. Megabird - Com sede na cidade de Curitiba Pr. Inscrita no CNPJ sob o nº 12.975.999/0001-73. ( 0.04 )